sábado, 13 de novembro de 2010

Um telefone ao alcance da mão,
Um número decorado na cabeça
E uma aflição no coração.
É aí que mora o perigo...

Martha Medeiros

Um comentário:

Natacha Moraes disse...

hahaha
Martha é perfeitaa